O Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão rejeitou na tarde de hoje, 20/02/2019, recurso apresentado pela ex-deputada Francisca Primo contra a sentença da 95ª Zona Eleitoral (Buriticupu), que havia julgado improcedente por total falta de provas a ação judicial que pedia a cassação do mandato do prefeito José Gomes Rodrigues e do vice prefeito Ivanildo Santos dos Santos, por suposto abuso de poder e irregularidades na campanha eleitoral de 2016. 

Segundo o relator do recurso, juiz Alexandre Soares de Abreu, o processo, apesar do grande volume, “tinha pouco conteúdo”, e, em conformidade com parecer Ministério Público Eleitoral, deu razão à defesa de Zé Gomes, que foi sustentada na tribuna pelo advogado Carlos Sergio de Carvalho Barros. 

De forma unânime os membros do TRE Maranhão ressaltaram que a vontade do povo deve ser respeitada, e que a cassação dos eleitos somente pode ocorrer com base em provas robustas, o que não havia no caso. 

O julgamento foi acompanhado também por estudantes do curso de direito da Universidade Ceuma, que puderam conhecer o funcionamento da Justiça Eleitoral. Novo Tempo, Nova História!!!

by 22:11 0 comentários