Em visita ao Agrobalsas 2019, o deputado estadual licenciado e secretário de Desenvolvimento Social, Márcio Honaiser reforçou a parceria entre Governo do Estado e Fundação de Apoio à Pesquisa do Corredor de Exportação Norte (Fapcen) em mais um ano de realização do evento. 

Conversando com produtores e empreendedores da região, Honaiser recebeu retornos positivos do seu trabalho à frente da Sagrima, de 2015 a 2018, que rendem até hoje. Jorge Luiz Fortes, proprietário da Cachaça Capotira, de Vargem Grande, falou sobre como incentivo a essa cadeia produtiva ajudou na identificação do grande potencial do estado no setor e no registro de marcas de cachaça e tiquira. "A gestão do secretário Márcio Honaiser na Sagrima deu uma importante contribuição ao projeto Cartima, em parceria com o Sindibebidas, viabilizando o diagnóstico de vários alambiques maranhenses que até então estavam na informalidade e agora podem ser trabalhados e se desenvolverem, para gerar renda para todos na cadeia de produção da cachaça e da tiquira e para o estado", disse ele.
Além da cadeia produtiva da cachaça, a da mandioca também está representada no evento, através da cerveja Magnífica, feita a partir da mandioca produzida por agricultores familiares do Tabuleiro de São Bernardo, no Baixo Parnaíba, uma das regiões beneficiadas pelo Programa de Tecnificação e Modernização da Cadeia da Mandioca.

E entre os pequenos produtores da região, o Agropolo Rio Balsas trouxe benefícios, como assistência técnica e gerencial, sementes e equipamentos que potencializam a produção. "O Maranhão tem um enorme potencial produtivo e ficamos felizes de ter contribuído de alguma forma para incentivar pequenos, médios e grandes produtores, com marcos legais, tecnologias e conhecimento. São sementes plantadas que queremos ver crescer ainda mais", declarou Honaiser.

Da Assessoria 


by 09:23 0 comentários