Dez suspeitos de crimes foram presos, na manhã desta quinta-feira (13), no primeiro dia da “Operação Ultimatum” na cidade de Dom Pedro, a 319 km de São Luís. Os presos foram autuados por tráfico de drogas, posse ilegal de munições e armas de fogo de uso permitido e de uso restrito.

A operação, que está em curso, conta com a participação de 30 policiais civis e já cumpriu, até o momento, mais de 10 mandados de busca e apreensão.

Dentre os presos, estão Francisco Marcos Barbosa Dos Santos, conhecido como "Chefinho" ou "Renault"; Paulo Duarte Dos Santos, pai do “Chefinho”; Jorge Luís Carvalho Sousa, conhecido como “Caladinho”; e Itelvane Teixeira De Sousa.

Com os presos, os policiais apreenderam:
– 1 pistola calibre .380;
– 1 revólver calibre .38;
– 2 espingardas calibre .36;
– 1 espingarda "bate-bucha";
– 97 cartuchos intactos de calibres de uso permitido e restrito diversos (12, 28, 36, 44 e 357 Magnum);
– Aproximadamente R$ 3.000,00 em espécie;
– 3 veículos de procedência duvidosa;
– 3 balanças de precisão;
– 20g de substância semelhante a cocaína;
– objetos e insumos para preparação de drogas;
– 16 aparelhos celulares
– 4 relógios de procedência duvidosa.

Os presos serão encaminhados ao Centro de Ressocialização de Presidente Dutra, onde permanecerão à disposição da Justiça.

Foram ainda apreendidos dois adolescentes na cidade de Gonçalves Dias, os quais respondem por atos infracionais análogos aos crimes de roubo.

Participam da “Operação Ultimatum” policiais Delegacia de Dom Pedro, sob o comando do delegado Humberto Alves Júnior, com apoio das delegacias de Presidente Dutra, Governador Eugênio Barros, São Domingos e Santo Antônio dos Lopes.

by 20:32 0 comentários