Os servidores ativos da Prefeitura Municipal de Açailândia terão de realizar recadastramento funcional a partir de terça-feira (01/10) e segue cronograma estipulado por datas e secretarias.

O recadastramento será presencial e é regulamentado por meio do Decreto nº 239, de 23 de setembro de 2019, que considera necessário a atualização dos dados cadastrais dos servidores públicos municipais ocupantes de cargos efetivos, em comissão, seletivados e empregados público da Prefeitura Municipal de Açailândia, tendo como finalidade identificar o servidor, seu perfil funcional, sua lotação, seu enquadramento funcional, bem como outras informações consideradas fundamentais para o Município. Além de conferir maior controle e celeridade à Secretaria Municipal de Administração, com a finalidade de buscar a melhoria da qualidade das informações como instrumento de gestão de recursos humanos.

O período de recadastramento inicia no dia 01 de outubro e vai até o dia 25 de outubro, nos horários entre 08:00h e 14:00h e será dividido conforme a tabela:

SECRETARIA 

DATA PARA RECADASTRAMENTO

Secretaria Municipal de Educação 

01/10 a 11/10

Secretaria Municipal de Saúde 

14/10 a 18/10

Secretaria Municipal de Assistência Social 

21/10 a 22/10

Demais Secretarias 

23/10 a 25/10

O servidor deverá acessar o site da prefeitura, baixar e imprimir o formulário de recadastramento no link: https://www.acailandia.ma.gov.br/legislacao-ver/recadastramento-de-servidores-2019/266

O recadastramento será realizado na Secretaria Municipal de Administração, no Parque das Nações. O recadastramento será feito mediante o comparecimento pessoal do servidor, com apresentação de documentos e preenchimento dos formulários de recadastramento.

O servidor deverá anexar ao formulário a cópia dos seguintes documentos;
Carteira de identidade, CPF e título d eleitor;
Certidão de casamento e/ou averbação da separação judicial, divórcio;
Comprovante com o n do PIS/PASEP
Comprovante de endereço atualizado;
Carteira de registro profissional;
Certificado de conclusão de curso de especialização, Mestrado ou Doutorado;
Carteira de identidade e CPF dos dependentes, se houver;
Carteira de identidade e CPF dos beneficiários de pensão alimentícia, se houver.

O servidor público municipal que deixar de se recadastrar no prazo estabelecido poderá ser instaurado Processo Administrativo Disciplinar, a fim de apurar eventual falta disciplinar.


ASCOM – PMA – Quézia Gonçalves

by 15:09 0 comentários