Em reunião da Comissão de Acompanhamento das Ações de combate ao Coronavírus do Congresso Nacional o deputado federal Hildo Rocha assegurou que o grande problema no enfrentamento da pandemia da Covid-19 no País é a falta de competência de alguns gestores estaduais na gestão da saúde pública.
O parlamentar maranhense comparou as ações que vem sendo realizadas pelos governos dos estados de Minas Gerais e Maranhão no enfrentamento do novo Coronavírus. 
“Existem governadores que tem sido muito incompetentes neste momento de luta. Eu posso me referir ao Maranhão. O governador Flávio Dino, está sendo uma lástima. É um governador bom de marketing e muito ruim de serviço”, disse Hildo Rocha durante a reunião virtual da Comissão.

O deputado Hildo Rocha demonstrou com números a incompetência do governo Flávio Dino. Ele mostrou que enquanto morre uma pessoa de Covid-19 no estado de Minas Gerais no Maranhão morrem nove pessoas.
“Para se ter uma ideia, Minas Gerais, tem 21 milhões de habitantes. O Maranhão tem 7 milhões de habitantes. No Maranhão, até o dia 7 de maio, já morreram 320 pessoas de Covid-19; em Minas Gerais, 106 pessoas, ou seja, a cada um mineiro que morre de Covid-19, no Maranhão morrem 9 pessoas, isso mostra o desmantelo, a incompetência do governo Flávio Dino. O Governo Flávio Dino já está no seu sexto ano de mandato, faz muita propaganda, mas poucas ações concretas e eficazes no combate às doenças”, acrescentou.

A Comissão Mista foi instalada no dia 20 de abril. A sua criação foi previstas no decreto de Estado de Calamidade Pública, que entrou em vigor no dia 20 de março e tem vigência até o dia 31 de dezembro deste ano. O colegiado é composto por 12 parlamentares titulares – sendo 6 senadores e 6 deputados federais – e o mesmo número de suplentes. O objetivo da Comissão é fazer o acompanhamento da situação fiscal e a execução Orçamentária e financeira das medidas relacionadas ao combate de Coronavírus no Brasil.

Da Assessoria 

by 09:25 0 comentários